Os 3 perfis mais comuns de liderança
Postado em 04/09/2018 Os 3 perfis mais comuns de liderança

Existem diversos apontamentos sobre os estilos de liderança. Todos com proposito de conhecer com profundidade a relação que os funcionários têm com seus líderes e a influência que cada líder expõe para eles.

Das diversas pesquisas feitas sobre a teoria dos estilos de liderança destacaram-se três: autocrática, democrática e liberal.

Compreenda melhor as curiosidades, traços e características que cada estilo de liderança possui.

Líder autocrático

O líder autocrático é um profissional que tem em sua essência a execução, no cumprimento de tarefas, regras e normas desenvolvidas pela organização. Esse exemplo de liderança é considerado como autocrático ou autoritário, pois busca monopolizar as tomadas de decisão, vetando qualquer tipo de opinião externa ou interna.

Uma gestão autocrática a longo prazo pode desencadear nos subordinados desmotivação e insatisfação, devido o gestor tomar a frente de tudo, causando a impressão de que a equipe só deverá cumprir ordens sem poder argumentar ou pensar junto. 

Para subordinados novatos que desconhece o modelo de negócio da empresa e que não estão habituados com as atividades esse é um exemplo de liderança funcional, tendo em vista que essas pessoas precisam de acompanhamento constante e de uma grande quantidade de detalhes nas informações e ordens.

Características

  • Agilidade nas decisões;
  • Liderança com base no poder;
  • Pouca habilidade para feedback.
  • Processos e procedimentos simplificados.

Líder democrático

Esse perfil de líder está associado a profissionais que estimulam seus subordinados a participarem, dando a devida atenção a opiniões que possam contribuir ao atingimento de um objetivo. 

O líder democrático usa o meio do feedback constantemente para aproximar sua equipe, entender as dificuldades de cada integrante e ressaltar as forças, com o propósito de manter vivo o desenvolvimento profissional de cada um.

Uma de suas ferramentas favoritas é o “brainstorm” que traduzido significa tempestade de ideias, essa técnica é muito utilizada, pois de forma natural extrai as melhores ideias dos integrantes da equipe, ressalta a importância que cada um tem, mantém o ambiente leve, já que ninguém está sob pressão e no final todos sentem a sensação de dever cumprido, devido ter existido e sido solicitado a colaboração de todos para chegar até a resolução.  

Características

  • Sabe ouvir;
  • Sabe se relacionar;
  • Respeita as adversidades;
  • Compreende a diferença entre gerenciar e liderar.

Líder liberal

Esse modelo de liderança requer colaboradores experientes, maduros e que possuem pleno conhecimento das atividades, o que descarta a necessidade constante de uma supervisão, uma vez que se estabelece esse tipo de gestão é “impossível” voltar a trás, devido os liderados interpretarem com maus olhos a ponto de retrair-se deixando a produtividade de lado.

Esse formato de liderança escancara as portas da inovação e criatividade, porque permite que os colaboradores se sintam à vontade.

Essas práticas de engajamento de equipe não isenta a responsabilidade que o líder tem de acompanhar e cobrar por resultados.

Características

  • Flexível;
  • Procrastinador;
  • Tomada de decisão lenta;
  • Pouca habilidade de trabalhar em grupo.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos para que eles também compreendam as diferenças entre os perfis de liderança.

infográfico

Voltar para o Blog